O estresse no trabalho é um mal que “assombra” muitos profissionais, e que pode afetar a produtividade de uma pessoa, da empresa, do clima de

É o que você procurava?

Fale conosco para obter o trabalho completo, clique no botão ao lado

O estresse no trabalho é um mal que “assombra” muitos profissionais, e que pode afetar a produtividade de uma pessoa, da empresa, do clima de trabalho e consequentemente do relacionamento com os clientes.
As causas do estresse nos profissionais brasileiros são bem variadas, porém algumas se destacam, dentre as principais estão: pressão por resultados, entregas em prazos curtos, longas jornadas de trabalho, reuniões intermináveis, chefe chato, falta de reconhecimento… E a lista do estresse só aumenta. Segundo uma pesquisa realizada pela empresa de recrutamento Robert Half no ano passado, o brasileiro é o profissional mais estressado do mundo. O motivo principal é o excesso da carga de trabalho, que traz fadiga mental, mudança de humor, alteração de peso e pouco descanso durante o sono.

Segunda etapa: CONSIDERE a situação problema da atividade.

Beatriz é vendedora em uma loja de roupas e acessórios femininos, em um dos maiores shoppings centers da cidade de São Paulo.
Há algum tempo ela vem enfrentando dificuldades em desenvolver plenamente suas atividades laborarias, pois sente que a sua a gestão imediata está criando situações “picuinhas” para que ela peça demissão.
Uma das situações que vem acontecendo com a vendedora e que tem desencadeado muito estresse é a solicitação quase que constante para que ela faça horas extras.
No entanto, diferente das demais vendedoras que compõem a equipe, Beatriz é viúva e mãe de duas crianças, por conta dessa realidade a funcionária dificilmente consegue exceder o horário de trabalho para suprir essa necessidade que é imposta.
Sua chefia direta nunca a orientou que se ela não fizesse horas extras em determinados dias de maior movimento na loja seria punida por isso; contudo a colaboradora percebe que todas às vezes que se recusa a ficar após seu horário normal de trabalho, punições são aplicadas posteriormente de maneira implícita, como uma forma de retaliação.
Além dessa situação, outros fatores são como estímulos estressores para a funcionária em questão. Ela se sente ameaçada pelos colegas de trabalho devido aos altos níveis de competitividade e, em sua opinião, a comunicação é problemática e agressiva, tudo é muito burocrático e não há reconhecimento profissional.
Por conta de todo este mal-estar, recentemente ela tem observado que algumas manifestações indesejadas estão acontecendo no seu próprio corpo, e correlaciona os acontecidos ao estresse no trabalho. Por essa razão decidiu procurar orientação médica e ajuda psicológica para superar as demandas que vem enfrentando, as quais são conhecidas como: irritabilidade, picos de agressividade, queda no desempenho profissional, conflito demasiado na família, enxaquecas frequentes e alergias pelo corpo. Estes são fatos, por ela observados, em sua saúde.
Mesmos diante de todas essas questões observadas pela vendedora, ela entende que precisa manter seu emprego, para então conseguir suprir as necessidades do seu lar.

Terceira etapa: REALIZE e ENVIE a atividade solicitada.

Então vamos lá!

Imagine que você é gestor(a) dessa loja, e que a situação de Beatriz chegou até o seu

MAPA – PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL – 52_2024

É o que você procurava?

Fale conosco para obter o trabalho completo, clique no botão ao lado

Deixe um comentário