Nunca estamos livres de nos machucarmos no dia a dia. Seja cozinhando ou trabalhando, acidentes podem acontecer. Um curativo é uma solução s

É o que você procurava?

Fale conosco para obter o trabalho completo, clique no botão ao lado

Nunca estamos livres de nos machucarmos no dia a dia. Seja cozinhando ou trabalhando, acidentes podem acontecer. Um curativo é uma solução simples e eficaz para tratar uma ferida na pele. Primeiramente, o curativo age como uma barreira, separando a ferida aberta do contato com as bactérias do ambiente. Por isso, ele é essencial para controlar uma contaminação, evitando complicações. Além disso, os curativos contêm o sangramento, melhoram a cicatrização, protegem o local da ferida aberta e contribuem na fixação de medicamentos. ​Fonte: Disponível em: https://sanfarma.com.br/ferida-aberta-como-tratar-conheca-4-tipos-de-curativos/. Acesso em 01 de abril 2024 (adaptado). ​Paciente masculino, 65 anos, agricultor, sofreu um acidente de trabalho e cortou a mão. Devido ao sangramento e edema o paciente procurou o Posto de Saúde, no qual foi realizado a higienização e curativo da lesão. Porém, após alguns dias depois o paciente retornou ao Posto de Saúde com febre, secreção purulenta na ferida e relatando que não seguiu os cuidados recomendados como lavar e trocar o curativo para que a ferida cicatrizasse corretamente.   Considerando o texto apresentado e a história clínica, RESPONDA: 1. IDENTIFIQUE a linha de defesa do sistema imune que foi rompida quando o paciente cortou a mão. 2. EXPLIQUE como o sangramento e a coagulação ajudam a proteger a área lesada.   3. Para a higienização da ferida deve-se usar um agente desinfetante ou agente antisséptico? JUSTIFIQUE.   4. DESCREVA as funções que a febre desempenha quando está associada à inflamação.   5. EXPLANE como ocorre a formação da secreção purulenta na ferida.

MAPA – ENF – FUNDAMENTOS DA MICROBIOLOGIA E IMUNOLOGIA – 52_2024

É o que você procurava?

Fale conosco para obter o trabalho completo, clique no botão ao lado

Trabalhos Relacionados:

Deixe um comentário